Você esta aqui Home importação 2010 Outubro Ministro Vannuchi entrega diplomas a policiais que vão atuar no Programa de Proteção aos Defensores

2010

Outubro

Ministro Vannuchi entrega diplomas a policiais que vão atuar no Programa de Proteção aos Defensores

28/10/2010

Em cerimônia realizada na manhã desta quinta-feira (28), em Brasília (DF), o ministro Paulo Vannuchi, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), entregou diplomas a policiais que vão atuar no Programa de Proteção aos Defensores dos Direitos Humanos. A solenidade marcou o encerramento do curso liderado pela SDH/PR, em parceria com a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), do Ministério da Justiça, e com a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF).

“Segurança Pública é Direito Humano de primeira grandeza. É assim que o policial deve ser visto pela sociedade. Este grupo de elite que se forma hoje cuidará da proteção de pessoas como Chico Mendes, Dorothy Stang e Manoel Mattos”, afirmou o ministro. “Os policiais atuarão a partir da compreensão profunda de que estarão levando ao mais alto grau o juramento que fizeram”, complementou Vannuchi.

“É preciso que as policias assumam seu papel histórico na proteção do Direitos Humanos”, afirmou o secretário nacional de Segurança Pública, Ricardo Balestreri, Segundo ele, o curso é resultado de uma nova etapa nas estratégias de Segurança Pública que estão em andamento no Paísl.

O objetivo do Curso de Formação de Policiais Militares para apoio ao Programa de Proteção aos Defensores dos Direitos Humanos é treinar policiais em técnicas de proteção a pessoas ameaçadas, com foco em direitos humanos. Eles integrarão a Força Nacional de Segurança e poderão atuar em todo o território nacional.

Além do ministro Vannuchi, a cerimônia contou com a presença do secretário nacional de Segurança Pública, Ricardo Balestreri; do diretor-geral da Força Nacional de Segurança, coronel Cardoso; do chefe do Estado Maior da Polícia Militar do Distrito Federal, coronel Suamy Santana da Silva; e do diretor de Defesa dos Direitos Humanos da SDH, Fernando Matos, que representou a secretária nacional de Promoção e Defesa dos Direitos Humanos da SDH, Lena Peres.

Um dos trinta formandos, o soldado Leonardo Colzani, ressaltou a importância do curso. “A gente tem ciência dessa missão árdua, que é proteger os defensores de Direitos Humanos. Pra mim e para meus colegas foi um marco histórico porque, antes, os Direitos Humanos eram considerados antagônicos à polícia, e hoje a gente está vivendo um outro momento. Agora a polícia está trabalhando para os Direitos Humanos. Estamos trabalhando juntos”, afirmou. Colzani também ressaltou a semelhança entre policiais e defensores. “Tanto nós, policiais, quanto os defensores de Direitos Humanos colocam a própria vida em risco para defender um ideal”.

Programa de Proteção aos Defensores dos Direitos Humanos – Criado em 2004, sob coordenação da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República. Atualmente, encontra-se implantado em seis estados conveniados: Pará, Pernambuco, Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. O Brasil é o único país do mundo a ter um programa de proteção a defensores de Direitos Humanos institucionalizado. 
 

Compartilhar

Desenvolvido com o CMS de código aberto Plone