Você esta aqui Home Notícias 2017 Agosto Em São Paulo, Secretaria da Pessoa com Deficiência promove articulação da rede de tecnologia assistiva

2017

Agosto

Em São Paulo, Secretaria da Pessoa com Deficiência promove articulação da rede de tecnologia assistiva

31/08/2017

Nesta quinta-feira (31), o Secretário Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Marco Antonio Pellegrini, coordenou o encontro do presidente do Instituto Handsfree, Sérgio Maymone, com o LSI - Laboratório de Sistemas Integráveis da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP). O objetivo da reunião foi buscar o apoio da universidade para a otimização do uso de um equipamento que promete o controle total do computador - ou do smartfone e do tablet android - a partir de leves movimentos da cabeça. Esta tecnologia assistiva beneficia pessoas sem movimentos do membros superiores. A proposta do instituto pernambucano sem fins lucrativos inclui até mesmo a automação da residência da pessoa com deficiência física com o uso do dispositivo.

Um dos objetivos do trabalho da Secretaria é disseminar o maior arsenal possível de ajudas técnicas que facilitem o desempenho de funções das pessoas com deficiência, melhorando sua qualidade de vida e seu convívio em sociedade. Para isso, a Secretaria promove a articulação de toda a rede de tecnologias assistivas, de inventores e fabricantes a universidades, institutos de pesquisa e financiadores, na busca do aperfeiçoamento e democratização das soluções implantadas.

O LSI se tornou importante parceiro no desenvolvimento de soluções tecnológicas assistivas a partir da interlocução com o secretário Pellegrini, quando esse era secretário adjunto dos Direitos da Pessoa com Deficiência do Estado de São Paulo. Além de participação em eventos de inovação na área, o laboratório desenvolve pesquisas para a formulação de produtos e contribuiu para a descoberta de outras aplicações para as tecnologias disponíveis. Com a interlocução junto à universidade, o Handsfree pode vir a ganhar outras aplicações que respondam pela progressiva autonomia do público-alvo, como a automatização de cadeiras de rodas, por exemplo.

Compartilhar

Desenvolvido com o CMS de código aberto Plone